terça-feira, 17 de janeiro de 2017

[CEF] - O engenheiro não foi fazer a visita na obra, e agora ?

Ola pessoal,
Como estão ?

Espero que bem, depois de 3 anos que efetuei o processo de financiamento de construção de minha residência posso dizer que tudo que passei valeu a pena. Todos os perrengues pelo processo burocrático de aprovação e empecilhos normais do dia-a-dia da obra valeram a pena praticamente foram esquecidos, e acredito que tudo que aconteceu, foi simplesmente um degrau a ser superado.

Nestes últimos anos anos recebo centenas de emails por semana, e na medida do possível, tento responder a todos. Aprendi muito nestes últimos anos, muito mesmo.

Esta semana recebi uma pergunta da leitora Valdirene. Segue imagem com o texto abaixo:



Caso a imagem não esteja muito visível, o resumo da problema foi: 
"Ela concluiu a primeira etapa da obra, conforme seu cronograma, e solicitou a visita do engenheiro para que este, efetuasse as devidas aferições na obra para que o dinheiro pertinente a etapa fosse liberada a cliente. Porem, depois de algum tempo, o engenheiro não apareceu, e ao procurar ajuda na agencia, a pessoa responsável por processos de "Habitação" estava em férias, e ninguém tinha conhecimento sobre o processo.  Ao conseguir contato com o Engenheiro, o mesmo informou que não recebeu nenhum comunicado para efetuar a visita na obra.  Com isso, a cliente está passando por dificuldades para arcar com os gastos da obra, que foram feitos neste primeiro mês com recursos próprios.  Ela informa, também, que não efetuou reclamação na ouvidoria pois teme algum tipo de represália e que procuraria por um agiota para levantar dinheiro".


Bom vamos lá...
Valdirene, bem vinda ao atendimento publico,...rs  

Infelizmente este é o tipo de atendimento que temos em algumas agências (na maioria ao meu ver). Por isso sou a favor de privatizar TUDO!!!! Tenho a impressão que a estabilidade de emprego que os órgãos do governo oferecem a seus funcionários os deixam preguiçosos. Bom, não sei...essa é apenas uma opinião muito superficial em relação ao atendimento publico bancário, mas vamos ao que interessa.

Tudo isso que está acontecendo é porque o malote contendo os documentos referentes ao projeto de sua obra foram extraviados. Comigo isso aconteceu 3(três) vezes !!!! 

Quando acontece isso, basta que a agencia enviei novamente as informações para a empresa de engenharia. Tudo que é enviado para o engenheiro são apenas cópias, ou seja, os verdadeiros ainda estão na agencia. 

O que vai para o Engenheiro é:
Projeto Arquitetônico, Planta e Planilhas físico financeiras(Lapela Cronograma de Obra).  Em posse destes dados, eles irão até sua obra e farão as aferições. Dentro de uma semana(no máximo) o dinheiro estará na conta (*** O dinheiro cai na conta da obra, que só o gerente tem acesso, caso demore para você receber, entre em contato com a agencia para que eles efetuem um comando para que esse valor seja transferido a sua Conta Corrente.  Os gerente simplesmente esquecem de fazer este processo e você fica esperando sem saber o que acontece, fique atenta).

O prazo máximo de recebimento do malote após postagem, por parte da engenharia, é de 48h. Depois de recebido, a engenharia tem outro prazo máximo para efetuar a aferição, ou seja, se não der problema, o processo é rápido.

A primeira visita do engenheiro é a mais complicada, mas depois, as demais já ficarão pré-agendadas, e isso facilita. Quem solicita a visita(mesmo pre-agendada) é a agencia, então, pra não ter problemas, quando faltar uns 3 dias, entre em contato lá e informe que eles já podem realizar a solicitação. Isso o ajudará.

Sobre efetuar reclamações na OUVIDORIA DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL, não tem problema algum, muito pelo contrário, é extremamente necessário que você abra esta reclamação, senão, a coisa não anda. Fique tranquila que não haverá represália não.

Caso estes problemas lhe cause prejuízos financeiros, procure um advogado e solicite a restituição deste valor através da justiça.

Abraço!
Geraldo